sexta-feira, 30 de abril de 2010

O sol devolveu o sorriso vagarosamente,dirigindo os raios para fora do horizonte. E as palavras que me foram sussurradas repercutiram-se pelo tecto,demasiado amplificadas. Aquela bizarra e perfeita voz,não poderia ser abençoada. O Orgulho e privilégio de expelir meticulosamente todo o desejo consumido até então.



-acho que viver é desenhar sem borracha.

12 sentidos:

MaRiliaa* disse...

- obrigada querida *.*
a ultima frase "acho que viver é desenhar sem borracha" , faz o perfeito dos sentidos .

MaRiliaa* disse...

- não tens que agradecer princesa (:

Sara Santos disse...

adoro, especialmente a última frase

Ada Lílian disse...

"A ultima frase 'acho que viver é desenhar sem borracha', faz o perfeito dos sentidos [2].
Adorei seu blog, estou seguindo o seu tbm.
Beeijos Ritinha.

Thais Alves disse...

É verdade , a vida é realmente um desenhar sem borrachas , que quando ocorre algum erro ou o lápis não risca o lugar certo não podemos apagá-lo e sim fazer algum modo de ajeitar tudo . Amei o blog , seguindo ;*'

Marilena' disse...

que bonito :)

Débora. disse...

adorei mesmo :o

beatrice disse...

que lindo, amei a ultima frase :)
vou seguir*

Niqui disse...

é bem verdade isso que dizes sobre viver :)

Débora. disse...

nao tem nada de mal :D
o meu texto esta feio :D

Daniela disse...

adoro :)

tua pequena disse...

obrigado por seguires. viver é desenhar sem borracha, podemos ter todos a certeza disso :)

Enviar um comentário

Utiliza palavras suaves..